Dosagem de concreto autoadensável com alto teor de ar incorporado aplicado em paredes de concreto

Compartilhe:
Resumo:

O concreto autoadensável (CAA) é apontado como uma das alternativas tecnológicas com a maior perspectiva de ampliação de uso nos próximos anos seja em obras convencionais, especiais ou na indústria de pré-moldados. Atualmente encontra-se tecnologia para a produção e a aplicação do CAA que atende às necessidades de cada finalidade, como a utilização de fibras para aumento da tenacidade, controle da retração plástica e resistência ao fogo, de pigmentos para CAA colorido e de aditivo incorporador de ar (AIA) para concretos com ar incorporado. No caso do sistema construtivo paredes de concreto, o CAA com ar incorporado apresenta propriedades que atendem às necessidades do sistema construtivo, como a resistência ao isolamento acústico e térmico, além das propriedades específicas do CAA já conhecidas quando do seu estado fresco. Desta forma, o trabalho buscou desenvolver CAA com alto teor de ar incorporado em duas classes de resistência, 15 MPa e 25 MPa, a partir do método de dosagem proposto por Gomes, baseado na determinação do teor ótimo de aditivos químicos e do empacotamento dos agregados. Os concretos foram avaliados quanto aos parâmetros de autoadensabiliade no estado fresco. Verificou-se que o método de dosagem adotado possibilitou a produção de misturas de concreto com as propriedades específicas inicialmente, porém com a necessidade de ajustes no método para determinação do teor ótimo de AIA e, posterior avaliação do desempenho de novas misturas de CAA, com o teor de ar incorporado entre 7% e 9%.


Referência:
SANTOS, Rafael Francisco Cardoso dos; CASTRO, Alessandra Lorenzetti. Dosagem de concreto autoadensável com alto teor de ar incorporado aplicado em paredes de concreto. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CONCRETO, 55., 2013, Gramado. Anais… São Paulo: IBRACON, 2013. 16 p.

Documento está protegido com senha, solicite ao Atendimento/Biblioteca-DAIT/IPT. Logar na BiblioInfo Bibioteca-DAIT/IPT para acessar o texto na íntegra em PDF:
https://escriba.ipt.br/pdf_restrito/171964.pdf


INSCREVA-se em nossa newsletter

Receba nossas novidades em seu e-mail.

SUBSCRIBE to our newsletter

Receive our news in your email.