Caracterização petrográfica de argamassas aplicadas e com prolongada idade de cura em ambiente de laboratório

Compartilhe:
 Resumo:

Este Trabalho apresenta resultados de análise petrográfica de 11 argamassas simples e mistas de cimento Portland de cales hidratadas cálcicas CHI e dolomíticas CH III, de diferentes proporções de mistura e provenientes de um estudo de longa duração desenvolvido no IPT- Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Esta etapa refere-se a argamassas de revestimento aplicadas manualmente sobre painel de alvenaria em blocos de concreto chapiscados e mantidos por 17 anos em ambiente de laboratório. O presente estudo compreende a observação e descrição das fases carbonatadas que compõem o ligante, bem como a caracterização do arranjo e morfologia da porosidade das argamassas, utilizando a técnica de análise petrográfica por microscopia ótica de luz transmitida. Os resultados foram avaliados e comparados com análise petrográfica das mesmas argamassas com idade de 13 anos, a partir de corpos de prova prismáticos.


Referência:
OLIVEIRA, Mírian Cruxên Barros de; CHOTOLI, Fabiano Ferreira; QUARCIONI, Valdecir Angelo; CINCOTTO, Maria Alba. Caracterização petrográfica de argamassas aplicadas e com prolongada idade de cura em ambiente de laboratório. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE TECNOLOGIA DAS ARGAMASSAS, 11., 2015, Porto Alegre. Anais… 22 p.



INSCREVA-se em nossa newsletter

Receba nossas novidades em seu e-mail.

SUBSCRIBE to our newsletter

Receive our news in your email.