Escassez de água

Compartilhe:
O pesquisador Luciano Zanella, do Centro Tecnológico do Ambiente Construído do IPT, o Cetac, apresenta em artigo vertentes comportamentais e tecnológicas visando à economia de água no estado de São Paulo. De um lado, campanhas educativas podem ajudar a mudar padrões de consumo da população. De outro, a vertente tecnológica, em que projetistas, construtores e fabricantes de equipamentos residenciais e comerciais para controle de vazão podem contribuir com aperfeiçoamentos técnicos e inovação.

Segundo Zanella, a meta é alcançar níveis elevados de eficiência no consumo de água e minimizar desperdícios. Para o pesquisador, a vertente tecnológica pode ser explorada em praticamente todas as etapas do empreendimento: da concepção ao projeto e da execução ao uso e não utilizada somente como \’marketing verde\’. O artigo foi publicado na edição de abril de 2014 da revista Notícias da Construção.

Acesse abaixo o artigo do pesquisador na íntegra.

INSCREVA-se em nossa newsletter

Receba nossas novidades em seu e-mail.

SUBSCRIBE to our newsletter

Receive our news in your email.