Mapa de suscetibilidade em Praia Grande

Compartilhe:

O Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) está fazendo um levantamento de áreas não urbanizadas propensas a deslizamentos e inundações.

Equipes do Laboratório de Recursos Hídricos e Avaliação Geoambiental do IPT e da Defesa Civil de Praia Grande - Crédito foto: Edmilson Lelo (Banco de Imagens da Prefeitura de Praia Grande)
Equipes do Laboratório de Recursos Hídricos e Avaliação Geoambiental do IPT e da Defesa Civil de Praia Grande – Crédito foto: Edmilson Lelo (Banco de Imagens da Prefeitura de Praia Grande)
A reportagem exibida no dia 24 de janeiro no telejornal Tribuna 2ª edição, da TV Tribuna de Santos, mostrou o trabalho dos pesquisadores na cidade de Praia Grande. A ação faz parte de um projeto do Governo Federal de levantamento de informações em 100 cidades em uma primeira fase.

O técnico do IPT Antônio José Baladore destaca na reportagem que "o mapeamento não é de áreas de risco, mas sim de áreas não urbanizadas". É por meio das cartas de suscetibilidade que os municípios terão condições de saber onde há áreas propensas a desastres.

Confira abaixo a reportagem na íntegra:

[vid=169,chapeu=Mapas de suscetibilidade – TV Tribuna – 24 de janeiro,breve_descricao=]

INSCREVA-se em nossa newsletter

Receba nossas novidades em seu e-mail.

SUBSCRIBE to our newsletter

Receive our news in your email.