Galvanização em alta

Compartilhe:
Segundo dados do Instituto de Metais Não Ferrosos, a estimativa de crescimento no Brasil da capacidade da indústria de galvanização até 2015 é de 50%. A técnica, que é aplicada com sucesso na Europa, Ásia e Estados Unidos e está buscando espaço em obras públicas e privadas no País, foi discutida em evento realizado nos dias 25 e 26 de outubro em São Paulo, do qual participou a responsável pelo Laboratório de Corrosão e Proteção do IPT, Zehbour Panossian.

O jornal Valor Econômico publica hoje um caderno especial sobre o tema e duas reportagens contam com a participação de Zehbour: a primeira mostra o grande potencial para a aplicação da tecnologia no setor de óleo e gás, e a segunda traz exemplos dos benefícios resultantes de sua durabilidade.

Leia abaixo as duas reportagens na íntegra.

INSCREVA-se em nossa newsletter

Receba nossas novidades em seu e-mail.

SUBSCRIBE to our newsletter

Receive our news in your email.